terça-feira, 1 de agosto de 2017

Gabriel de la Mora





Gabriel de la Mora (1968-) Nasceu em Cidade do México, México. Graduou-se em Arquitetura pela Universidad Anáhuac del Norte. Durante cinco anos exerceu a profissão, quando passou a produzir arte contemporânea. Em 2003, tornou-se Master of Fine Arts degree in painting pelo Pratt Institute, Nova York. Seu trabalho enfoca o uso e reuso de objetos descartados cuja vida útil parece ter terminado. Seu interesse está na desconstrução e fragmentação de um objeto ou material através do tempo. Vive e trabalha na Cidade do Méxirtco. É representado pela Thimoty Taylor Gallery.





 Picasso y Caravaggio, 1997.

S.F.8P. 2000.


30,661 Nudos de la series Pelo I, 6,922 , 2010.


D.A.S., 2011.

Suelo I, II, III, 2013, Triptych: Paint and dirt on metal plate.


Puerta II, 2013, Paint and dirt on metal plate


9,200, from the series Cerillos Cancelados, 2014.


MCI / 10-II f, 2015.


SD-186 / Mala hembra, 1950, 2015.


RM -117 / Los autómatas de la muerte, 1962, 2015,


Candela-129, 2015.


E-115 / Yo quiero ser tonta, 1950, 2015.


B-322, 2015, Textile from vintage speaker.

B-220, 2015, Textile from vintage speaker.


B-155, 2015, Textile from vintage speaker.

11,877, 2015, 11,877 eggshell pieces on wood.

11,426, 2015, 11,426 red eggshell fragments on wood
PAI / 1,344 II f, 2016.






96,937 (58,746 + 38,191), 2016.


576 - I / Pi, 2016, 288 used pairs of leather shoe soles on wood (Diptych)



Instalação, 2016. Drawing Center, Nova York.

Nenhum comentário:

Maurizio Cattelan

Maurizio Cattelan
Now